Giovanna Antonelli + Colorama!

De olho no sucesso da atriz Giovanna Antonelli, a Colorama resolveu lançar uma nova linha em parceria com ela. Sabendo que tudo o que a global utiliza vira sucesso de vendas, a marca de esmaltes brasileira aproveitou para convidá-la a assinar uma coleção com 8 cores, uma cobertura fosca e dois efeitos especiais. Os esmaltes regulares custam  R$5,24 e os efeitos especiais R$8,29. 

gio_antonelli_colorama_colecao

giov

E vocês, o que acharam dessa parceria?

Be Sociable, Share!

    Desvendando Portugal: Ilha das Berlengas!

    No final de semana passada, fiz uma pequena viagem para conhecer a Ilha das Berlengas, a verdade é que morando há tantos anos em Portugal, ainda não conheço nem metade do país. As Berlengas é um exemplo, até semana passada nem sabia da sua existência, uma vergonha! A ilha é linda e uma ótima opção de “escapadinha” para quem quer curtir o verão sem sair do país. Considerada reserva mundial da biosfera pela Unesco, para chegar até o local é preciso pegar um barco a partir do porto de Peniche, que infelizmente, não tive tempo de conhecer. A travessia fica por cerca de 24€ ida e volta, se ficar mais de um dia na ilha, fui com a Viamar, mas existem outras opções de companhias que fazem a travessia. Como na ida o tempo fechou e eu já tinha lido comentários de que o mar as vezes está muito agitado, tomei um remédio para enjoo, e acho que ajudou bastante. A viagem dura cerca de 1 hora, o ideal é fazer a reserva antes, já que durante o verão muita gente vai até lá. 

    IMG_4782

    IMG_4769

    IMG_4783

    IMG_4797

    Cheguei em Peniche no final da tarde e terminei acampando na ilha, uma das três opções para quem quer dormir por lá. Acho que a pior opção, não gostei do camping, era literalmente junto com as gaivotas e a estrutura de banheiro não era das melhores, sem ter a opção de chuveiro com água doce, só salgada. Por isso, não acamparia novamente, até porque depois da visita desagradével de uma ratazana, não tem quem me convencesse a acampar ali novamente. Mas tudo bem, consegui sobreviver a noite.  Existem outras duas opções mais confortáveis, no Restaurante e Quartos Mar e Sol, que tem a estrutura de uma pousada e a opção mais cara, acho que cerca de 75€ por noite; ou no Forte São João Batista, esse funciona como alojamento tipo abrigo, onde é preciso levar os lençóis, mas pelo que vi dos quartos, são bem arrumadinhos, com camas e quartos privados. Também tem cozinha. Acho que a noite fica por 10€ por pessoa.

    IMG_4786

    IMG_4853

    IMG_4872

    A ilha em si é linda, sendo um dia suficiente para conhecer tudo e aproveitar a praia principal. Por isso, também dá para ir e voltar no mesmo dia, sem precisar dormir por lá. Assim que acordei, fui fazer a trilha de uma ponta a outra, primeiro até o farol e depois até o forte, para quem tem medo de altura como eu, foi uma provação, mas cheguei inteira e nem chorei… hahahahaha. E digo que valeu a pena, foi uma ótima experiência. Claro, durante o caminho ameacei várias vezes ficar sentada esperando pelo resgate, mas admito que sou exagerada. Ao chegar ao forte, não quis fazer o caminho pela trilha de volta, aproveitei o  barco que faz os passeios pelas grutas e depois de conhecê-las, já fiquei no outro lado da ilha, onde fica o restaurante, bar, camping e a praia. O passeio pelas grutas custa 5€.

    IMG_4870

    IMG_4930

    IMG_4934

    Depois do passeio, foi hora de ficar na praia, lanchei alguns sanduíches que levei e mais algumas coisas. Quem não quiser levar comida, tem a opção de almoçar no restaurante.No bar também dá para comprar alguma coisa. Além disso, existem algumas opções de lazer, como alugar um caiaque e fazer mergulho. Fiquei com vontade de andar de caiaque, mas não deu tempo, a ilha estava lotada e os caiaques todos alugados. Fica para uma próxima visita, até porque gostaria de conhecer Peniche.

    IMG_5005

    20150718_161908

    20150718_161918

    Quem estiver interessado em ir até as Berlengas, nesse site conseguem várias informações. 

     

    Be Sociable, Share!

      100 anos de moda masculina em 3 minutos!

      Lembram deste post onde partilhei com vocês o vídeo feito pelo site Mode.com com 100 anos de moda feminina em 2 minutos? Agora o site partilhou um novo vídeo, mas dessa vez com 100 anos da moda masculina em 3 minutos, que dá uma ideia de como ela evoluiu ao longo dos anos. Clica e confere o resultado!

      E vocês, tem alguma época preferida?

      Be Sociable, Share!

        Millennium!

        Estou sentindo um vazio dentro de mim, meio perdida e sem rumo. É assim que fico quando acabo um livro do qual gosto muito, o que foi o caso não de um, mas de três livros que ocuparam meu tempo livre nos últimos meses. Estou falando da saga Millennium! Se estão procurando uma boa leitura, que seja viciante ao ponto de você não saber se devora as páginas ou se economiza na leitura, porque quando o livro acabar vai ficar querendo mais.

        trilogia

        A série de três volumes escritos pelo jornalista sueco Stieg Larsson aborda a questão da violência contra as mulheres e tem como personagens centrais dos seus livros a hacker Lisbeth Salanger, cheia de tatuagens, piercings e um comportamento que por muitos é considerado inadequado; e o jornalista de investigação Mikael Blomkvist. A saga era pra ter 10 livros, mas com a morte repentina do autor, só três foram lançados. Esse ano a editora responsável prevê o lançamento do quarto livro, esse escrito por David Lagercrantz. Sinceramente, estou curiosa para saber o que vai sair daí, será que ele será capaz de continuar o que Larsson começou? Vamos, ver! Mas enquanto o livro não sai, vou vendo os filmes já lançados. Vi só a versão americana, muito boa. Também com Daniel Craig, não tem como ser ruim. Pena que só lançaram um filme. A sueca já é mais completa, mas ainda não vi. 

        The_Girl_with_the_Dragon_Tatoo_Wallpaper_1440x900_8167

        E vocês, já leram os livros? Sugerem alguma outra leitura?

        Be Sociable, Share!

          Guimarães #3

          Se tem um evento que eu adoro na cidade, é a Feira Afonsina! Desde a primeira edição que marco presença e esse ano não ia ser diferente, é possível perceber como o evento tem crescido, inclusive esse ano, com mais uma área de alimentação. Só achei uma pena terem fechado a parte dos doces na Câmara Municipal.  Como tem acontecido ao longo dos anos, a expectativa era grande, adoro o clima que se instala na cidade, os diversos visitantes e voltar no tempo para uma época medieval. Ao contrário dos outros anos, terminei conseguindo ir todos os dias e deu para aproveitar bastante, principalmente, a comida, acho que nunca comi tanto pão com chouriço. 

          Ficam aqui algumas fotos da Feira Afonsina! 

          IMG_4684

          IMG_4689

          Tão fofinha!

          IMG_4694

          IMG_4625

          IMG_4626

          IMG_4627

          IMG_4652

          IMG_4673

          IMG_4682

          IMG_4429

          IMG_4435

          IMG_4444

          Guimarães, tão linda! E vocês, foram a feira? O que acharam?

          Créditos fotos: Mariana Araújo.

          Be Sociable, Share!